Baixa umidade do ar pode afetar a saúde; veja dicas de prevenção

_d66106[1]

A baixa umidade do ar é responsável pela maioria dos problemas no aparelho respiratório. Irritação nos olhos, sensação de nariz e garganta secos são alguns dos sintomas conhecidos de quem convive com o ar seco, que já é quase rotina, principalmente pela falta de chuvas.

Se a baixa umidade do ar incomoda pessoas sadias, o quadro é mais preocupante para quem tem rinite alérgica e asma brônquica (também conhecida como bronquite asmática). A pneumologista do Hospital do Servidor Público Estadual, Maria Vera Cruz de Oliveira Castelano, chama a atenção para a importância de procurar orientação médica já nos primeiros sinais.

“Pode ocorrer tosse seca persistente, associada ou não com crise de asma. Na crise, além da tosse, ocorre falta de ar e chiado no peito. Estes sintomas podem ser intermitentes ou persistentes, mas, se não tratados, podem se agravar e, em casos graves, apresentar risco de morte.”

Cuidados
Algumas dicas ajudam a melhorar os sintomas do ar seco, como usar umidificadores de ar ou colocar uma vasilha com água ou toalha molhada no ambiente. “Deve-se, ainda, tomar bastante líquido para hidratar o corpo, não deixar ninguém fumar dentro de casa e usar soro fisiológico para os olhos ou narinas se houver irritação”, lembra a médica.

O uso do condicionador de ar contribui para ressecar o ambiente, portanto, evite
permanecer por muito tempo em locais onde exista o equipamento. Para quem gosta de atividade física, escolha os horários em que o ar está mais úmido, antes das 10h ou após 17h.

De acordo com a Secretaria da Saúde, as internações aumentam cerca de 30% nessa época. A maior parte é de pessoas com idade de até 14 anos.

Confira medidas simples para prevenir e aliviar os sintomas:
– Ingerir bastante líquido (a não ser em caso de alguma restrição);

– Não faça exercícios físicos entre as 10h e 17h quando a umidade do ar estiver baixa;

– Deixe um recipiente com água ou um pano molhado no quarto antes de dormir;

– Não use o umidificador elétrico por muitas horas seguidas. O ambiente pode ficar muito úmido e causar mofo e bolor;

– Lave as narinas com soro fisiológico e/ou faça inalações com o mesmo produto;

– Mantenha os ambientes arejados e livres de tabaco e poeira;

– Manter os olhos hidratados por meio de colírios lubrificantes

– Evite frequentar lugares fechados em que haja grande concentração de pessoas, como shoppings, supermercados e cinemas.

Do Portal do Governo do Estado